sexta-feira, 12 de agosto de 2022

UFSM estreia com vitória na Superliga SM

A UFSM/B. Invest começou sua caminhada na Superliga SM com vitória. O placar de 3x0 sobre o River Plate coloca a equipe na liderança do grupo, ao lado do Valencia, próximo adversário da Federal, que também venceu. O jogo entre os dois vencedores da 1ª rodada acontece na próxima terça-feira no CDM.

Equipe fez seu primeiro jogo oficial na temporada.

Autor de dois gols, Arthur valorizou o aspecto coletivo da vitória. "Tenho que agradecer ao companheiro pelo passe, em grupo iremos longe. Entramos pouco nervosos, mas só temos a crescer no campeonato", destacou o ala, escolhido o melhor da UFSM em quadra. O técnico Felipe Super avaliou que a equipe se portou bem, pelo que já foi treinado, e acredita que os dois primeiros gols deram tranquilidade por terem saído cedo. "Iremos enfrentar times mais experientes, como o Valencia, nosso próximo adversário. Temos que ter mais intensidade e mais atenção", projetou o treinador.

O jogo

O triunfo da Federal foi construído com dois gols logo nos primeiros minutos de partida. No primeiro lance do jogo, Pepo recebeu de Ribeiro e obrigou o goleiro adversário a fazer grande defesa. Com pouco mais de um minuto de jogo, em cobrança de falta, a bola foi rolada para Arthur, que acertou o ângulo, abrindo o placar.

Aos 5 min, a UFSM subiu a marcação e forçou o erro do adversário. Dudu Mello ficou cara a cara com o goleiro e passou para Arthur, que completou para o gol sem goleiro: 2x0. Na volta do intervalo, a Federal ampliou com Pepo, dentro da área, aproveitando uma sobra de bola, enquanto o adversário tinha um jogador a menos. Tariq e Dudu Leonardi ainda tiveram chances de marcar, mas o goleiro evitou que o placar fosse ampliado.

Arthur marca e amplia a vantagem para 2x0.

O técnico Felipe Super contou com Carlson, Dudu Mello, Arthur, Pepo, Ribeiro, João Gama, Tariq, Marcos, Mateus, Filipe Garcia, Falcão, Matheusinho, Dudu Leonardi e Otávio. 

terça-feira, 9 de agosto de 2022

Equipe Sub-20 da UFSM entra em quadra amanhã

 Nesta quarta-feira (10 de agosto), a UFSM sub-20 entra em quadra para seu primeiro jogo oficial do ano. O primeiro desafio da nova equipe, que foi formada a partir de uma seletiva realizada no dia 19 de março e que treina há cerca de quatro meses, será a Superliga SM, nova competição criada em Santa Maria em 2022. Amanhã o adversário será o River Plate, de Itaara, em confronto que tem início marcado para as 21h30min no Centro Desportivo Municipal (CDM).

O sorteio realizado em meados de julho colocou a Federal na Chave A, junto com River Plate, Pumas, AGF e Valencia. Os dois primeiros se classificam para a 2ª Fase da competição, que tem a Final prevista para o mês de setembro. O técnico Felipe Super avaliou os adversários da 1ª Fase. 

- O objetivo é classificarmos, passando a primeira fase, e competir nos mata-mata. Em relação aos adversários, sabemos que são grupos fortes e com jogadores experientes, o que dificulta muito já que nosso grupo é jovem. Porém, estamos focados para fazermos bons confrontos coletivamente.  
Super (de camiseta preta) orienta os atletas em atividade realizada no CDM, durante treinamento da equipe adulta.

Super considera que ainda faltam aspectos táticos e físicos a serem trabalhados com os seus atletas, mas tem gostado do que eles estão apresentando. "Optamos em proporcionar esta experiência competitiva para o time pensando no decorrer da temporada", comentou ele, projetando a participação no campeonato estadual da categoria. Os treinamentos da equipe acontecem no Pelea Deportes y Bar e nos ginásios didáticos do CEFD/UFSM, geralmente duas vezes na semana.
Um dos treinamentos semanais acontece no Pelea Deportes y Bar.

Além dos atletas que fazem parte do elenco adulto (sete jogadores), alguns atletas têm participado de treinamentos da equipe que joga a Série Ouro, o que é considerado muito válido pelo treinador, tanto no aspecto tático, como no comportamental. Super também ressalta que é muito importante o trabalho que é realizado em colégios e escolinhas de futsal na cidade, pois os atletas já chegam à equipe com um aprendizado anterior e continuam esse processo de evolução na UFSM. 

SERVIÇO DO JOGO:
UFSM/B. Invest x River Plate (Itaara) 
1ª rodada da 1ª Fase da Superliga SM
Quando? Quarta-feira, 10 de agosto, 21h30min
Onde? Ginásio Principal do CDM (Santa Maria-RS)

Elenco
Goleiros: Murilo, Leozão e João Gama
Fixos: Tariq, Marcos, Diogo, Kifa, Theo, Dudu Mello
Alas: Mateus, Filipe Garcia, Falcão, Vaz, Matheusinho, Arthur, Catelan, Pietro, Cadu, Pepo, Lorenzo
Pivôs: Dudu Leonardi, Bernardo, Otávio, Ribeiro
Técnico: Felipe Super
Auxiliares técnicos: Rodrigo Chagas e Otávio Dias
Preparação física: João Bulsing e Pedro Antunes
Preparação de goleiros: Lucas Sotero e Guilherme 
Análise de desempenho: Pedro Hickmann e Derick Minuzzi
Fisioterapia: Vinícius Schwert e Lucas Ragagnin
Coordenador geral: Gabriel Pranke

domingo, 7 de agosto de 2022

UFSM/B. Invest vence mais uma e se isola na liderança da Série Ouro

Como era previsto, o público acompanhou uma grande partida de futsal no CDM na noite de ontem. A UFSM/B. Invest recebeu a AVGF, de Caxias do Sul, que está em um momento de crescimento na competição. Com bom volume de jogo, a Federal esbarrou nos próprios erros de finalização e na boa atuação do goleiro adversário, ficando duas vezes em desvantagem no placar. Quando a partida estava empatada, na parte final do jogo, a equipe de Santa Maria chegou ao gol da virada e da vitória por 3x2 com uso do goleiro linha, que obteve sucesso na primeira troca de passes. 

Léo Rudek, que marcou o gol da vitória como goleiro linha, comemora o primeiro gol da Federal na partida.

Léo Rudek, que atuou como goleiro linha e marcou duas vezes na partida, se mostrou feliz com a volta dos gols. "Fazia um tempo que não marcava, voltei a marcar no jogo passado e hoje mais dois", afirmou ele. Analisando a partida, o ala destacou que a UFSM pecou nas finalizações na primeira etapa, mas que a equipe soube ouvir as orientações da comissão técnica, principalmente no intervalo, e voltou mais concentrada para o segundo tempo. O técnico Gabriel Pranke avaliou:

- O resultado passou mais uma vez pela aplicação do grupo, entender as dificuldades e reverter as adversidades. No primeiro tempo, até fomos melhor, mas entramos um pouco desligados e perdemos alguns gols. Fizemos o gol da vitória com o goleiro linha, algo que treinamos muito. 

A Federal se isolou na primeira colocação da Série Ouro com 16 pontos, já que o União Independente perdeu ontem em São Lourenço do Sul para a ABF (atual vice-líder com 14 pontos). A tabela de jogos marca duas semanas de folga na competição, que terá a 9ª rodada somente no dia 27 de agosto. Nesta data, a UFSM receberá o Paulista, de Pelotas. Pranke confia na manutenção da liderança e aponta o caminho para continuar vencendo e apresentando boas atuações: "temos que continuar trabalhando e acreditando no que a gente está fazendo; tem sido incrível trabalhar com esse grupo de atletas e dá orgulho do que estamos apresentando".

O jogo

Com menos de três minutos de jogo, o time visitante saiu em vantagem. Em cobrança de falta próxima à área, Vitinho concluiu rasteiro. Edinho esticou o pé e ainda tocou na bola, que tomou o caminho do gol. A Federal não se abalou e buscou trabalhar a posse para chegar ao empate. A primeira chance aconteceu com Bernardo. Ele ficou cara a cara com o goleiro Augusto, que conseguiu abafar a conclusão. Pouco depois, Schimitz ficou cara a cara com Edinho, que defendeu o chute rasteiro. Após uma cobrança de falta da AVGF, Edinho fez rápida reposição lançando para Léo Rudek. O ala concluiu na saída do goleiro, que conseguiu defender mais uma.

Aos 7 min 30s, em contra-ataque da UFSM, João Farias recebeu de Léo Rudek e concluiu cruzado. Augusto tocou na bola, que ainda bateu no travessão antes de sair. Pouco depois, Bryan fez jogada individual e passou para Bebel, que concluiu para fora. Na resposta da Federal, Léo Rudek recebeu na ala direita, carregou a bola, passando pelo adversário, e encontrou Moisés Braga na segunda trave. O ala só não marcou porque o goleiro fez mais uma grande defesa.

Aos 17 min, em outro contra-ataque, Bernardo ajeitou para Léo Rudek, que estava livre do lado esquerdo, mas ele errou o alvo. Pouco depois, Léo Rudek recebeu passe de Edinho, girou sobre o marcador e ficou cara a cara com o goleiro mais uma vez. Augusto espalmou para a linha de fundo e evitou o gol de empate. Mais tarde, Garcia puxou novo contra-ataque e o goleiro salvou com o pé. Aos 19 min, Tito recebeu no fundo da quadra e serviu João Farias, que concluiu para fora.

Se na primeira etapa, o jogo foi 'lá e cá', a etapa complementar teve um amplo domínio da Federal. Logo no primeiro minuto, Tito concluiu e Augusto deu rebote, que ficou com Léo Rudek. Ele chutou colocado e a bola passou raspando o travessão. Aos 3 min 16s, Bernardo estava cercado de adversários e deu um passe cavado para Léo Rudek, que estava sozinho. O ala concluiu cruzado, no canto, e igualou o placar: 1x1. Poucos segundos depois, Tito teve duas chances de marcar. O goleiro defendeu a primeira e, no rebote, a conclusão tocou na marcação. Aí a bola encobriu o goleiro e passou pouco acima do travessão. 

De perna direita, Léo Rudek empatou a partida no início da segunda etapa.

A Federal continuou buscando o gol da virada. Em cobrança de escanteio, Tito concluiu buscando o ângulo, mas a bola passou perto do travessão, para fora. Pouco depois, Bernardo recebeu nas costas da defesa e tocou a bola entre as pernas do goleiro. A bola ia rolando bem devagar em direção ao gol e deu tempo de Mucke salvar de carrinho. Aos 6 min 15s, Mucke fez jogada individual na ala direita e tocou para a área. Bryan completou para a rede e colocou a AVGF em vantagem, 2x1.

Aos 7 min 30s, Tito, dentro da área, recebeu de João Farias e acertou o pé da trave. Aos 11 min 40s, Mateus recebeu na ala esquerda e chutou cruzado, em mais uma conclusão que passou bem perto da meta. Aos 12 min 51s, a Federal chegou ao empate. Após uma tabela envolvente, Moisés Braga recebeu na esquerda e rolou para a área. Dudu dividiu com o marcador e conseguiu empurrar a bola para a rede: 2x2.

Dentre as inúmeras oportunidades criadas, nesta Tito ficou de frente para o goleiro e acertou a trave.

Os minutos finais ficaram bastante intensos. Aos 16 min 33s, com uso do goleiro linha, a Federal virou o jogo. Léo Rudek fez um corta-luz na ala esquerda e a bola chegou a Bernardo no fundo da quadra. Ele ajeitou para o próprio Léo Rudek, que chutou forte, de primeira, sem chances para Augusto: UFSM 3x2. A partir daí, foram os visitantes que procuraram atacar com uso do goleiro linha. E aos 18 min, eles quase empataram quando Edinho espalmou chute de Vitinho. Vini chegou antes da marcação para aproveitar o rebote, mas mandou por cima da meta. Nos segundos finais, a UFSM ainda perdeu um gol incrível. João Farias recebeu na ala direita, avançou e acertou a trave. Silvan ficou com o rebote e concluiu para o gol, mas Schimitz salvou sobre a linha. Quando o relógio apitou, encerrando a partida, os visitantes reclamaram de um toque na mão, que resultaria em tiro livre sem barreira para a AVGF. A arbitragem concluiu que o tempo havia acabado e decretou o fim da partida: UFSM/B. Invest 3x2 AVGF.

No primeiro lance com a camiseta de goleiro linha, Léo Rudek (de rosa) marcou o gol da quarta vitória seguida da Federal na Série Ouro.
UFSM conseguiu marcar bem o goleiro linha da AVGF, a exemplo deste chute bloqueado por Moisés Braga.

Ficha técnica:

UFSM/B. Invest - Edinho, João Farias, Tariq, Bernardo, Tito, Carlson, Marcos, Silvan, Mateus, Garcia, Moisés Braga, Léo Rudek, Felipinho e Dudu. T.: Gabriel Pranke.

AVGF - Augusto, Schimitz, Vini, Vitinho, Alemão, Dametto, Yuri, Palaoro, Bryan, Leo, Mucke, Candiago, Taylor e Bebel. T.: André Machado.

Gols: Vitinho (2 min 50s do 1T - A), Léo Rudek (3 min 16s do 2T - U), Bryan (6 min 15s do 2T - A), Dudu (12 min 51s do 2T - U) e Léo Rudek (16 min 33s do 2T - U). 

Arbitragem: Diego Menezes (árbitro principal), Ander Plautz (árbitro auxiliar), João Victor de Mattos (anotador) e Pablo Sebastian de Mello (cronometrista). 

Cartões amarelos: Edinho, Felipinho (U), Vitinho, Yuri e Schmitz (A).

Ginásio: CDM (Santa Maria-RS).

domingo, 31 de julho de 2022

UFSM/B. Invest vence em Cachoeira do Sul e assume a liderança da Série Ouro

A Série Ouro tem um novo líder: a UFSM/B. Invest. Com uma atuação sólida, a equipe de Santa Maria repetiu o roteiro do jogo contra o Riograndense, quando acumulou chances de gol na primeira etapa e foi para o intervalo com a vantagem mínima, sofreu o empate no início do 2ª tempo e precisou buscar forças para reassumir o controle da partida. Diante do São José, a vitória por 5x1 colocou a Federal na ponta da tabela de classificação por ter um saldo melhor que o União Independente, que também chegou aos treze pontos. 

Após a partida, o técnico Gabriel Pranke elogiou o grupo de atletas, ressaltando que a equipe passou por dificuldades quando o São José teve algumas oportunidades de virar ou buscar o empate na segunda etapa. Ele atribuiu a vitória à atuação da equipe, a qual classificou como exemplar, e ao trabalho realizado por todos durante a semana. O fixo Tariq, autor de dois gols e escolhido o melhor jogador da partida, analisou da mesma forma. "Viemos com o objetivo de ganhar. Fizemos uma semana de treinos muito boa e a vitória passou por aí", declarou ele. 

Tariq (de azul, com a bola) fez dois gols que deram tranquilidade à Federal na parte final do jogo.

Sobre a campanha da equipe e o fato de jogar as últimas três partidas da 1ª Fase em Santa Maria, Pranke considerou: 

- O campeonato está muito equilibrado. Nosso objetivo era classificar entre os quatro primeiros. Se tivermos a possibilidade de buscar a primeira ou a segunda colocação, seria muito importante lá na frente, se chegarmos numa semifinal ou final. 

A Federal volta à quadra já no próximo sábado, dia 6 de agosto, quando recebe a AVGF, de Caxias do Sul, no CDM. O adversário vem de duas vitórias sem sofrer gols e ocupa a sexta colocação. Como tem uma partida a menos, a AVGF pode entrar na briga pelas primeiras colocações, dependendo dos próximos resultados. Se não conseguir a vitória, a UFSM pode ser ultrapassada por ABF ou União Independente, que se enfrentarão em São Lourenço do Sul na mesma data.  

O jogo

A Federal apresentou novamente uma grande atuação na primeira etapa, assim como aconteceu na rodada anterior. As duas primeiras chances vieram dos pés de Tito aos 5 min. Em um contra ataque, ele fintou o marcador e concluiu de perna direita. Rodrigo espalmou para a linha de fundo. Na cobrança de escanteio, João Farias acionou Tito com um passe alto e o ala não deixou a bola cair, chutando de primeira, mas a bola passou raspando a trave esquerda do goleiro adversário. Aos 7 min, em mais uma cobrança de escanteio, Tito arrematou com força, buscando o ângulo, e Rodrigo apareceu mais uma vez.

Aos 10 min, Léo Rudek girou sobre o marcador e ficou cara a cara com Rodrigo, que defendeu mais uma. No rebote, Tariq acertou a trave. Aos 11 min, os donos da casa levaram perigo quando Pedrinho fintou um marcador e concluiu no alto. Edinho defendeu em dois tempos. Dois minutos depois, Saymon arriscou de média distância e a bola passou raspando o pé da trave. Aos 14 min, Tito recebeu nas costas da defesa, pelo lado esquerdo, e concluiu de cavadinha. A bola parou na trave mais uma vez.

Aos 15 min 23s o gol finalmente saiu. Tito chutou cruzado e encontrou Moisés Braga sozinho na segunda trave. Ele só precisou completar para o gol: UFSM 1x0. Aos 16 min, Felipinho acionou João Farias na ala esquerda. O fixo concluiu por cima do goleiro do São José e carimbou a trave novamente. Aos 18 min, Léo Rudek cobrou escanteio e encontrou João Farias livre dentro da área, mas ele concluiu para fora. Um minuto depois, O São José quase empatou, quando Saymon fez jogada pela ala esquerda e chutou cruzado. A bola chegou em Juninho, que concluiu para fora. No último lance do primeiro tempo, Edinho defendeu chute rasteiro de Dioguinho e o rebote sobrou para Juninho. Mesmo deitado, Edinho conseguiu evitar o gol de empate. 

Moisés Braga abriu o placar no jogo de ontem.

Na volta do intervalo, o São José cresceu na partida, empurrado por sua torcida. Aos 10s, Carilli fez jogada pela direita e tocou para dentro da área. Dudu deu um carrinho e evitou que a bola chegasse no adversário. Aos 2 min 44s, Saymon ajeitou a bola para Conrado, que concluiu no canto e deixou tudo igual no Derlisão: 1x1. A resposta da Federal veio aos 5 min 20s, quando Léo Rudek arriscou, a bola desviou na marcação e tirou o goleiro da jogada: UFSM 2x1.

Equipe comemora o gol que recolocou a UFSM em vantagem.

Aos 12 min, Mateus recebeu próximo da área adversária, dominou no peito e escorou para Tito, que fez Rodrigo trabalhar mais uma vez. Aos 16 min, Saymon acionou Juninho na ala esquerda. O ala do São José concluiu e Edinho espalmou para a linha de fundo. Aos 17 min, Moisés Braga puxou contra-ataque e passou para Léo Rudek, que parou no goleiro mais uma vez. 

Aos 17 min 53s, Tariq roubou a bola e passou para Léo Rudek. Ele devolveu para Tariq, que deu um carrinho para alcançar a bola e desviá-la para o gol: UFSM 3x1. Com pouco tempo no cronômetro, o time da casa partiu para a estratégia de goleiro linha. Trinta segundos depois, em mais um contra-ataque, Léo Rudek serviu Tariq, que concluiu na saída do goleiro: UFSM 4x1. E faltando oito segundos para o fim, João Farias aproveitou que a meta estava vazia e concluiu da quadra de defesa, ampliando o placar para 5x1 e decretando o resultado final da partida.

Léo Rudek (de azul, com a bola) marcou o segundo gol da Federal e depois deu duas assistências para os gols de Tariq.

Ficha técnica:

São José - Rodrigo, Índio, Dioguinho, Juninho, Saymon, Andrio, Carilli, Pedrinho, Wesley, Moranga, Ludean, Conrado, Dudu e Léo. T.: Dalvan Gotardo.

UFSM/B. Invest - Edinho, João Farias, Tito, Léo Rudek, Felipinho, Carlson, Garcia, Moisés Braga, Dudu, Marcos, Silvan, Tariq, Falcão e Mateus. T.: Gabriel Pranke.  

Gols: Moisés Braga (15 min 23s do 1T - U), Conrado (2 min 44s do 2T - S), Léo Rudek (5 min 20s do 2T - U), Tariq (17 min 53s do 2T - U), Tariq (18 min 20s do 2T - U) e João Farias (19 min 52s do 2T - U).

Arbitragem: Claudio Luis Fontoura (árbitro principal), Patrick da Rosa Moraes (árbitro auxiliar), Elias Machado (anotador) e Adriano Pedroso Pereira (cronometrista).

Cartões amarelos: Garcia, Tariq (U), Índio, Juninho, Pedrinho e Moranga (S).

Ginásio: Derli Steinmetz (Cachoeira do Sul).

domingo, 24 de julho de 2022

Federal vence mais uma na Série Ouro

Mais uma vez, a UFSM/B. Invest conseguiu fazer o dever de casa e conquistou mais uma vitória na Série Ouro 2022. Neste sábado, o time da Universidade fez 3x1 no Riograndense, de Rio Grande, e chegou a dez pontos no campeonato. Com isso, o time divide a liderança com o BGF, o Barcelona/Macleres e o União Independente, embora os critérios de desempate coloquem a Federal na quarta colocação. Após duas partidas em Santa Maria, a UFSM voltará a jogar longe de casa no próximo final de semana, quando irá a Cachoeira do Sul para enfrentar o São José.

Na partida deste sábado, a estrela de Tito voltou a brilhar. Ele já havia sido o nome da partida contra a ABF, quando marcou três gols. E na partida de ontem, o ala ajudou o time com mais dois gols e participação no gol de Felipinho, que recolocou a equipe em vantagem na partida. Tito atribuiu aos treinos sua melhora nas finalizações, principalmente com a perna direita, que não é sua preferencial, mas foi a responsável pelo terceiro gol da equipe. Sobre o jogo, ele comentou:

- O equilíbrio do jogo foi muito grande. O time deles é bem qualificado. Nós conseguimos manter o foco dos treinos, o segundo gol saiu em uma jogada bem trabalhada e conseguimos sair com a vitória.

Ala Tito (com a bola) marcou mais dois gols e é o artilheiro da equipe na Série Ouro.

O técnico Gabriel Pranke atribuiu a vitória ao bom planejamento feito e o bom andamento dos treinos da última semana, focados nas características do adversário. "Apesar de ter tido muitas chances no primeiro tempo, não conseguimos converter e acabamos tomando o gol no início do 2º tempo, assim o jogo acabou ficando difícil", analisou o treinador. Um das virtudes da equipe, a força na marcação se reflete nos números. A Federal só tomou um gol nos últimos dois jogos e, no momento, tem a melhor defesa do campeonato ao lado do Barcelona/Macleres.

O jogo

Com boa posse de bola, a UFSM começou a partida tomando iniciativa, mas as chances de gol demoraram a aparecer. A primeira só aconteceu aos 5 min de jogo, quando Felipinho recebeu lançamento e concluiu de voleio para a linha de fundo. Dois minutos depois, a Federal abriu o placar. Tito recebeu na ala direita e ajeitou puxando para o meio. A forte conclusão surpreendeu o goleiro, que ainda tocou na bola antes de ela entrar: UFM 1x0.

Jogadores da Federal comemoram o primeiro gol da noite, marcado por Tito.

Aos 9 min, o Riograndense tentou responder com Alan, que concluiu da ala direita. No rebote, Edinho dividiu com Rafael Pedroso, evitando o gol de empate. Aos 12 min, Felipinho tentou marcar de carrinho na segunda trave, mas a conclusão foi para fora. Aos 14 min, Mateus cobrou lateral e encontrou Tariq sozinho dentro da área. O fixo tocou de coxa, sem muita força, facilitando para o goleiro Gabriel.

Aos 15 min, Dudu recebeu no fundo da quadra e serviu Mateus, que chegava de frente para o gol, mas a conclusão passou sobre a meta. Pouco depois, a defesa afastou mal e a bola sobrou para Mateus, que só não marcou porque Gabriel conseguiu espalmar para a linha de fundo. Aos 17 min, em contra-ataque da Federal, João Farias passou para a segunda trave, onde chegava Moisés Braga. Mais uma vez, a conclusão de carrinho não teve a direção do gol.

Após desperdiçar inúmeras oportunidades de ampliar na primeira etapa, a Federal levou o castigo na volta do intervalo. Aos 4 min 33s, após passe errado de um jogador do time da casa, Alan avançou e concluiu no ângulo, empatando a partida. Aos 5 min, Léo Rudek concluiu da ala direita e Gabriel espalmou a bola para o lado. Aos 8 min, Rafael Pedroso avançou pela ala esquerda e concluiu na saída do goleiro. A bola acabou tocando na trave, no que poderia ser o gol da virada.

Só que aos 11 min 46s, a UFSM chegou ao segundo gol. João Farias recebeu no fundo da quadra, próximo à marca de escanteio, e serviu Felipinho, que chegava de frente para o gol. O pivô concluiu no ângulo, sem chances para o goleiro: UFSM 2x1. Faltando pouco mais de quatro minutos para o fim, Alan foi expulso após tocar a mão na bola e receber o segundo cartão amarelo. 

Pivô Felipinho marcou um golaço e recolocou a UFSM em vantagem.

A falta resultou em um tiro livre sem barreira, cobrado por Tito e defendido por Gabriel. No rebote, com o goleiro ainda caído, Tito concluiu para fora. Aos 16 min 52s, o ala se redimiu e ampliou a vantagem, com uma conclusão certeira no canto inferior do goleiro do time de Rio Grande: UFSM 3x1. Com uso do goleiro linha, o Riograndense chegou a criar duas chances de gol. Na primeira, Edison Jr concluiu de longe. Carlson deu rebote e teve que abafar a conclusão de Jeferson. E nos segundos finais, Edison Jr invadiu a área, com dribles curtos, mas não conseguiu concluir para o gol. Placar final: UFSM/B. Invest 3x1 Riograndense.



Na sequência acima, o goleiro defende o tiro livre sem barreira (1ª foto), Tito desperdiça o rebote (2ª foto) e, depois, marca o terceiro gol em chute certeiro (3ª foto).

Ficha técnica:

UFSM/B. Invest - Edinho, Tariq, Moisés Braga, Bernardo, Felipinho, Carlson, Marcos, João Farias, Garcia, Mateus, Tito, Silvan, Dudu e Léo Rudek. T.: Gabriel Pranke.

Riograndense - Geovane, Chris, Rafael Pedroso, Alisson, Alan, Gabriel, Lúcio, Dylan, Edison Jr e Jeferson. T.: Max Carrazai. 

Gols: Tito (7 min 38s do 1T - U), Alan (4 min 33s do 2T - R), Felipinho (11 min 46s do 2T - U) e Tito (16 min 52s do 2T - U). 

Arbitragem: Diego Goldani (árbitro principal), Luiz Guilherme Lampert (árbitro auxiliar), Daniel Brondani (anotador) e Janaína Fernandes (cronometrista).

Cartões amarelos: Bernardo , Mateus (U) Dylan, Max Carrazai e Rafael Pedroso (R).

Cartão vermelho: Alan (R).

Ginásio: CDM (Santa Maria-RS).

domingo, 10 de julho de 2022

UFSM/B. Invest vence o clássico e encosta nos líderes

Mais um clássico empolgante entrou para a história do futsal santa-mariense. UFSM/B. Invest e União Independente fizeram um confronto muito equilibrado e com muitas emoções, embora o placar de 1x0 para a Federal possa passar a ideia contrária. O atraso no início da partida não diminuiu a vibração das duas torcidas, que abrilhantaram o evento, buscando empurrar suas equipes. No fim, a torcida que comemorou foi a da UFSM, que chega a sete pontos, mesma pontuação dos outros líderes (o Barcelona/Macleres, o BGF e o próprio União Independente).

Comemoração com a torcida ao final do jogo já virou tradição.

Os holofotes se voltaram aos goleiros Edinho e Vermelho, que buscaram tudo o que puderam. Edinho, que jogou sete anos no União, nem precisou agir, quando Rogério, ex-jogador da Federal, perdeu um tiro livre sem barreira. Perfeito até a metade do segundo tempo, Vermelho não conseguiu evitar o gol de Moisés Braga, que determinou o placar final do jogo.

Edinho (de rosa) só observou a bola na cobrança de tiro livre desperdiçado, mas participou ativamente da partida.

O goleiro Edinho, eleito o melhor jogador da UFSM na partida, declarou que a equipe tinha em mente que os detalhes definiriam a partida. Ele dividiu os méritos com todos os companheiros de time, que se doaram na parte defensiva. "O gol saiu numa jogada trabalhada, que treinamos durante a semana, e conseguimos segurar esse placar no final", analisou o goleiro, responsável pela assistência no gol de Moisés Braga. O técnico Gabriel Pranke também elogiou bastante o empenho e a entrega dos jogadores na marcação: 

- O time se dedicou bastante na marcação, executaram o plano de jogo e isso me deixou muito feliz. Essa aplicação precisamos mostrar nas próximas partidas, para que mais vitórias aconteçam. 

Pranke também considerou positivo ter duas semanas para trabalhar e analisar o próximo adversário, que será o Riograndense, aqui em Santa Maria, no próximo dia 23. O time de Rio Grande, que ontem perdeu para o São José, joga em seus domínios no próximo sábado contra a AVGF, de Caxias do Sul.

Essa foi a segunda vitória da Federal em clássicos contra o União. O outro triunfo da UFSM aconteceu em 2019, na 1ª Fase da Série Ouro daquele ano. Além das duas vitórias, são dois empates em dez clássicos realizados. Se nos números totais a vantagem é do rival, quando se considera somente os jogos válidos pela Série Ouro a Universidade agora está em vantagem: são duas vitórias, um empate e uma derrota.

Espaço destinado à torcida da Federal ficou lotado.

O jogo

Após o atraso em virtude da espera pela ambulância, o clássico começou em alta voltagem. Logo no primeiro minuto, Willian Viana arriscou para o gol e parou no goleiro Edinho. Com um minuto de jogo, a UFSM teve duas chances de marcar, uma em cobrança de falta e outra na sequência, após jogada de escanteio. Aos 4 min, Léo Rudek puxou contra ataque e concluiu, para uma boa intervenção de Vermelho. 

Aos 7 min, foi Bruno Ribeiro que levou perigo duas vezes. Edinho pegou a primeira com o pé e a segunda conclusão foi para fora. Aos 9 min, Bruno Ribeiro recebeu livre na área e acertou a trave. Aos 10 min, Tito roubou a bola e avançou pela esquerda. Ele concluiu e Vermelho salvou o time visitante. Pouco depois, Felipinho puxou o contra ataque e serviu Tito, que concluiu rasteiro, em chute cruzado, que acertou o pé da trave. 

Tito quase marcou na primeira etapa, mas acertou a trave neste lance.

Com três faltas cometidas em questão de alguns minutos, a Federal deu a chance para o União sair em vantagem em cobrança de tiro livre sem barreira. Mas Rogério desperdiçou, chutando próximo à trave direita do goleiro da UFSM. Aos 13 min, Tariq ficou com a sobra e arriscou de longe. A bola passou por Vermelho, mas um defensor afastou o perigo. Nos minutos finais, o jogo ficou mais morno, após o ala Irion sair lesionado e precisar ser levado pela ambulância para um serviço de emergência. Quando a ambulância voltou, nenhuma das equipes conseguiu criar oportunidade clara de gol.

Na segunda etapa, a Federal conseguiu encaixar a marcação e deu poucas chances ao adversário. Aos 4 min, Léo Rudek puxou da direita para o meio e concluiu, mas Vermelho defendeu com o pé. Na sequência, Felipinho arrancou em direção à meta, mas o goleiro do União saiu fechando o ângulo. Aos 6 min, Tito ficou cara a cara com Vermelho, que salvou sua equipe novamente. Aos 9 min 30s, Moisés Braga recebeu lançamento do goleiro Edinho. O ala só precisou ajeitar o corpo e mandar um chute firme de canhota para o gol: UFSM 1x0.

Moisés Braga aproveitou lançamento do goleiro para colocar a Federal em vantagem.

O gol acordou o União. Aos 11 min, Graxa recebeu no fundo da quadra sozinho e, desta vez, foi Edinho quem evitou o gol. Aos 16 min, Edinho salvou mais uma, quando ficou cara a cara com Willian Viana. Aos 18 min, quando o União usava o goleiro linha, Bernardo serviu Moisés, que deu um toque por cobertura. A bola passou raspando a trave. Placar final: UFSM/B. Invest 1x0 União Independente.

Ficha técnica:

UFSM - Edinho, Tariq, João Farias, Irion, Léo Rudek, Carlson, Guinho, Bernardo, Mateus, Silvan, Moisés Braga, Tito, Dudu e Felipinho. T.: Gabriel Pranke.

União Independente - Vermelho, Pedro Guerra, Willian Viana, Rogério, Ge, Dede, Bruno Ribeiro, Jonas, Graxa, Murilo, Arilsom, Dudu, Giovani e João Dutra. T.: Rodrigo Gomes.

Gol: Moisés Braga (9 min 30s do 2T - UF).

Arbitragem: Diego de Menezes (árbitro principal), Marcelo Machado (árbitro auxiliar), Liana Araújo (anotadora) e Daniel Brondani (cronometrista). 

Cartões amarelos: Dudu, Bernardo e João Farias (UF), Bruno Ribeiro e Willian Viana (Un).

Ginásio: CDM (Santa Maria-RS).

Público total: 447 pessoas.

Público pagante: 372 pessoas. 

domingo, 26 de junho de 2022

UFSM/B. Invest encarou o Barcelona/Macleres ontem em Julio de Castilhos

Em duelo direto pelas primeiras colocações da Série Ouro, UFSM/B. Invest e Barcelona/Macleres se enfrentaram ontem na casa da equipe castilhense. As duas equipes traziam campanhas idênticas e lutaram para ver quem continuaria invicto na competição. A UFSM não suportou o ímpeto da equipe adversária na primeira etapa e foi para o intervalo perdendo por 3x1. Com um gol logo no princípio da etapa final, os mandantes encaminharam a vitória e garantiram o resultado com sua firme defesa. A vitória por 5x2 colocou o Barcelona/Macleres na liderança do campeonato com sete pontos, e a  Federal, com três pontos a menos, caiu para a quinta colocação.

O pivô Felipinho, que marcou o seu primeiro gol com a camiseta da UFSM, lamentou o resultado:

- Sabíamos que seria um jogo bem complicado e que seria muito difícil levar pontos daqui. Também sabíamos que eles marcariam embaixo quase o tempo todo e, infelizmente, não conseguimos furar esse bloqueio. Eles aproveitaram os nossos erros e ficaram com a vitória. Vamos levantar a cabeça, temos duas semanas para trabalhar pensando exclusivamente no próximo jogo.

Federal teve bom volume de jogo, mas esbarrou em uma marcação muito eficiente do time da casa.

O técnico Gabriel Pranke também não gostou do desempenho da equipe, principalmente no primeiro tempo. Ele destacou a qualidade do time de Julio de Castilhos e sua força de marcação, aspectos que já haviam sido observados na preparação para a partida. "Não conseguimos aplicar coisas que treinamos e isso dificultou nosso jogo. Tentamos outras coisas. Tentamos pressionar eles na saída, tentamos também com o goleiro linha por mais de seis minutos no segundo tempo, mas não estivemos em uma noite feliz", concluiu o treinador.

No próximo final de semana, a Série Ouro terá uma folga. A 4ª rodada será no dia 9 de julho e a Federal volta a atuar em Santa Maria, com o apoio do seu torcedor. O adversário será o União Independente, velho conhecido, que ocupa a segunda colocação na Série Ouro e que empatou ontem em casa com a AVGF, de Caxias do Sul.

O jogo

O time da casa levou perigo logo no primeiro minuto em contra-ataque puxado por Juan. Ele obrigou Edinho a salvar a UFSM e, no rebote, Diogo concluiu em cima do goleiro da Federal. O jogo passou por momentos de pouco risco para ambas equipes, até que o time da casa abriu o placar aos 11 min 15s, em cobrança de pênalti de Juan. Aos 13 min, Felipinho recebeu na área, girou e o goleiro John defendeu, na primeira chance real da UFSM. 

Cobrança de pênalti de Juan bateu na trave direita de Edinho e entrou.

Aos 13 min 51s, Diogo recebeu de Wanderli e, sozinho dentro da área, só precisou escorar para o gol: Barcelona 2x0. Aos 17 min 09s, Tito fez jogada pela esquerda e a bola chegou em Felipinho, que concluiu para defesa do goleiro do time mandante e, na sequência, aproveitou o rebote para marcar o primeiro da Federal: Barcelona 2x1. Só que poucos segundos depois, o time da casa marcou mais um, jogando um balde de água fria na reação da UFSM. O gol surgiu após cobrança de falta, que Bozo concluiu. Edinho ainda tocou na bola, mas ela acabou entrando.

Gol de Felipinho recolocou a Federal na partida.

Na segunda etapa, os mandantes tiveram as primeiras chances novamente. No primeiro minuto, Juan recebeu de Diogo e só não marcou porque Edinho defendeu mais uma. Aos 2 min 21s, Bozo concluiu rasteiro após cobrança de escanteio: Barcelona 4x1. Aos 6 min, Bernardo carregou da esquerda para o meio e concluiu buscando o ângulo, mas errou o alvo. Aos 9 min, Wanderli fez jogada pela direita, passou por um marcador e também errou a conclusão. 

A partir da metade do 2º tempo, a Federal aumentou o seu volume de jogo, o que resultou em algumas boas oportunidades. Aos 10 min, após cobrança de escanteio, Moisés Braga brigou pela posse e a bola sobrou para Felipinho. Ele só não marcou porque John saiu abafando a conclusão. Aos 11 min, Bernardo fez jogada pela esquerda e concluiu, para mais uma defesa de Jhon. No rebote, Felipinho acertou a trave.

Faltando 6 min, a Federal começou a utilizar o goleiro linha. E o gol acabou saindo aos 15 min 47s, quando Léo Rudek recebeu no fundo da quadra e serviu João Farias, que concluiu para o gol vazio, descontando para 4x2. A pressão continuou. E aos 19 min, a arbitragem ignorou falta claríssima em Bernardo, que resultaria em tiro livre sem barreira. Com a meta desguarnecida, Juan concluiu do meio da quadra e ampliou: Barcelona 5x2. Aos 19 min 10s, Léo Rudek puxou da esquerda para o meio e chutou cruzado, para mais uma defesa de Jhon, um dos destaques da partida. Placar final: Barcelona/Macleres 5x2 UFSM/B. Invest. 

Goleiro linha da Federal resultou em um gol, após tabela entre Léo Rudek (de camiseta rosa) e João Farias (de camiseta azul).

Ficha técnica:

Barcelona/Macleres - Jhon, Bolinha, Bozo, Juan, Diogo, Gilsinho, Diego, Wanderli, João Paulo, Lagartinho, Kayke, Bereta e Michel. T.: Caçapava.

UFSM/B. Invest - Edinho, João Farias, Irion, Tito, Felipinho, Carlson, Murilo, Tariq, Marcos, Bernardo, Moisés Braga, Mateus, Silvan e Léo Rudek. T.: Gabriel Pranke.

Gols: Juan (11 min 15s do 1T - B), Diogo (13 min 51s do 1T - B), Felipinho (17 min 09s do 1T - U), Bozo (17 min 30s do 1T - B), Bozo (2 min 21s do 2T - B), João Farias (15 min 47s do 2T - U) e Juan (19 min do 2T - B). 

Arbitragem: Airton Minetto (árbitro principal), Ricardo Boeck (árbitro auxiliar), Ricardo Barbosa (anotador) e Adriano Pedroso (cronometrista).

Cartões amarelos: Michel (B).

Ginásio: Poliesportivo (Julio de Castilhos-RS).